sexta-feira, outubro 18, 2019

Colhe a a alegria das flores



"Colhe a alegria das flores da primavera e brinca feliz enquanto é tempo. Sempre haverá os dias em que chegará o inverno e não terás o perfume das flores, nem o sol, nem a vivacidade das cores."
(Augusto Branco)

* Flor do meu jardim

terça-feira, outubro 15, 2019

Sabedoria vegetal

Aterro do Flamengo

Da árvore, admiro as raízes fincadas na terra fértil.
Quero ser forte como o caule
que suporta adversidades.
Venero os galhos que acolhem ninhos.

Invejo a sombra confortável
e os frutos que guardam a semente.
Quando chega o outono,
saúdo as folhas que enfeitam o chão,
húmus vegetal,                                            

começo de árvore em outra estação.

Solange Firmino

quarta-feira, outubro 09, 2019

Primavera

"É preciso transgredir a distração da flor em gestação,
tocá-la infinitamente,
sorver-lhe o perfume,
soprar a gota de orvalho pousada em cada cor,
inventar um arco-íris
pelas arestas do vento,
abrir caminhos para a primavera."
(...)
Solange Firmino

(Trecho do poema Despertar, no livro "Das estações")

* Flores do meu jardim.

segunda-feira, setembro 23, 2019

É primavera!
















(...)

A sombra se faz luz,
o inverno se desfolha.
Como se existisse um tempo das estações,
a primavera dá sinais,
despida das névoas,
como se fosse a primeira vez.

Solange Firmino

(Trecho do poema "Despertar", no livro “Das estações”)

1 ano México!


Hoje completa 1 ano que fui ao México! Visitei igrejas, pirâmides, ruínas, mas o lugar que mais me impressionou foi a Pirâmide da Lua, de onde podia se avistar todo o complexo, a Avenida dos Mortos e a Pirâmide do Sol ao fundo.
Aumentem as foto para ver o tamanho dela, é a terceira maior do mundo em altura, são quase 240 degraus, distribuídos em 5 plataformas. 
Ficamos horas na fila, no 'sol' escaldante; até descasquei a pele depois... 
Mas valeu a pena depois de chegar lá no topo.
Descer é que foi pior que subir, tivemos que driblar muitas pessoas.
Mas estávamos prontas para a maior pirâmide do mundo em volume, em Cholula, no dia seguinte.


sábado, setembro 21, 2019

Dia da Árvore

Foto por mim, em frente à casa da minha avó. 
Hoje, 21 de setembro, é dia da árvore!



FRUTO

A bondade da mangueira
não é o fruto.

É a sombra.

A térrea,
quotidiana,
abnegada sombra:
no inverso do suor colhida,
no avesso da mão guardada.

Há a estação dos frutos.
Ninguém celebra a estação das sombras.

Assim, o amor e a paixão:
um, fruto; outro, sombra.

A suave e cruel mordedura
do fruto em tua boca:
mais do que entrar em ti
eu quero ser tu.

O que em mim espanta:
não a obra do tempo
mas a viagem do Sol na seiva da árvore 
A arte da mangueira
é a veste de sombra
embrulhando o seu ventre solar.

Para o homem
vale a polpa.

Para a terra
só a semente conta. 


- Mia Couto, em "Tradutor de chuvas".

sexta-feira, julho 26, 2019

Prece noturna

"The Starry Night", Vincent Van Gogh
Quem escuta nossa queixa?
A noite dorme.
A sombra é cega.
A lágrima é inútil.


Os versos soltos se escondem
nos umbrais.
Cortam como lâmina,
mas nada dizem
na solidão das ruas.


Em preto e branco,
cegos tateiam no firmamento
traçado no vácuo.


Meu sono perdido
amanhece no avesso.
Quem escuta minha prece?


Solange Firmino


* Ouça a linda canção do filme Vincent, de Don McLean.


domingo, julho 21, 2019

Crepúsculo

No resto do dia despojos do sol
solitário
cansado de brilhar

emprestam seu reflexo
para um sorriso
de lua
escancarada no céu


como um lustre suspenso
esperando um uivo
qualquer


Solange Firmino


 (No meu livro:  "Fragmentos da insônia")  







#nasa50thanniversary


De lua

De lua

Tenho fases instáveis,
como as marés
à mercê do tempo mutável.

Escondo-me e mostro-me
nos contínuos fluxos do cotidiano.
Pairo suspensa e inquieta
na sombra sonâmbula da noite.
No meu eclipse, sou o próprio sol.
Vago em órbita excêntrica.

Tenho faces ocultas,
crateras, elipse,
esfera, dragão.

Pareço incompleta,
mas junta-me no fim dos ciclos
e me verás inteira
e luminosa.

Solange Firmino 

(No meu livro: 📒 "Fragmentos da insônia")  


#nasa50thanniversary

quinta-feira, julho 18, 2019

Eclipse



Eclipse

A lua espera 
debruçada na janela 
vestir-se de sol

Solange Firmino 

(No meu livro: 📒 "Fragmentos da insônia") 



#nasa50thanniversary

domingo, maio 26, 2019

Basílica de Guadalupe no México

Antiga Basílica de Guadalupe no México, séc XVI


São de granito cinzento 
as cúpulas dos templos antigos: 
a música profana e sagrada
no rebordo das pedras.

Graça Pires


(De A incidência da luz, 2011, p. 7)


Nova Basílica de Guadalupe no México

A Basílica de Guadalupe, na Cidade do México, é o maior templo católico do continente americano. O Santuário possui duas basílicas. A mais nova, de 1974, e a mais antiga, do século XVI, que, assim como diversas outras construções da Cidade do México (que foi construída em cima de um lago movediço), está afundando.

sexta-feira, setembro 21, 2018

Meu passado me condena... 

Dia 21/09 - dia da árvore. 

Cuidado ao abraçar uma arvore! 🌴


🌳 RAIZ DE ORVALHO

Cego
de ser raiz

imóvel
de me ascender caule

múltiplo
de ser folha

aprendo
a ser árvore

enquanto
iludo a morte

na folha tombada do tempo.


© MIA COUTO 

In: Raiz de Orvalho e outros poemas,1999.